Diego Maradona morre aos 60 anos após uma parada cardiorrespiratória


 Um  dos maiores jogadores de futebol de todos os tempos, Diego Maradona, faleceu na manhã desta quarta-feira, 25, após uma parada cardiorrespiratória. 

Ele estava em sua casa, em Tigre, uma cidade vizinha de Buenos Aires, Argentina. A informação foi confirmada pelo biógrafo do craque. Diversas ambulâncias foram direcionadas ao local, porém, o argentino não resistiu e acabou morrendo em sua residência. 

Maradona havia dado entrada em um hospital no dia 2 novembro, poucos dias antes de completar 60 anos. Ele foi operado de um hematoma subdural e depois, por decisão médica e familiar, seguiu internado, devido a uma “baixa anímica, anemia e desidratação" e um quadro de abstinência em razão do vício em bebidas alcoólicas. 

Afastado por conta de seu quadro clínico, o campeão mundial pela Argentina em 1986 era o técnico do clube ‘Gimnasia y Esgrima La Plata’. Diego Maradona deixa cinco filhos registrados e quatro netos