Homem morre asfixiado com cabeça presa em portão ao tentar invadir casa da ex

Um homem de 32 anos morreu asfixiado ao tentar invadir a casa da ex-companheira para agredí-la e ficar com a cabeça presa no portão, na cidade de Camacan, no sul da Bahia. De acordo com informações da Polícia Civil, o caso aconteceu na noite de quarta-feira (1), na Rua Renato Cabral, centro da cidade.
Conforme a Polícia Civil, o homem, identificado como Carlos Alberto Raimundo Aires Filho, chegou alcoolizado no local e tentou entrar em casa, mas acabou preso no portão. Ele morreu no local. A ex-mulher dele disse que não abriu a porta porque era agredida pelo homem sempre que ele estava bêbado, informou a polícia.

Policiais Militares desarticulam associação criminosa que comercializava roubo de cargas no Sertão

Após levantamento realizado pelo Núcleo de Inteligência do Sertão (NIS-2), que verificou a existência da comercialização de uma carga de produtos da marca Tramontina (mesas e cadeiras), roubados entre as cidades de Custódia e Serra Talhada-PE no último dia 14 de julho, chegou aos suspeitos, que não tiveram os nomes revelados. Na ocasião, foi realizada uma operação com os efetivos do GATI e ROCAM da 1ª CIPM para abordar os suspeitos.
No decorrer do dia, os dois suspeitos foram localizados e abordados, sendo que o envolvido 02 informou que estava buscando um comprador para os objetos descritos e que sabia da procedência ilícita dos mesmos. O envolvido 01, que já é bastante conhecido pelo policiamento por ter sido acusado da prática de homicídio no ano de 2014 em Belém do São Francisco, alegou que havia guardado parte dos pertences na fazenda Poço Comprido, zona rural de Belém de São Francisco.
De imediato o policiamento fez deslocamento, encontrando alguns objetos (mesas e cadeiras), como também relatou, que na fazenda Tamboril havia mais uma parte da carga. Ao vasculhar o local indicado por ele, além dos objetos subtraídos também foi localizado cerca de 70m de cordel detonante de marca IBQ e várias caixas de grampos que comumente são usados para bloqueio de estradas em investidas contra instituições financeiras. Ainda informou, que outro integrante do grupo, sendo este, um dos responsáveis por conseguir a carga.
Durante a ocorrência foram apreendidos os seguintes materiais:
70 metros de cordel detonante;
2 caixas e um saco de nylon de 30 kg de Grampos Metálicos;
261 mesas plásticas;
1739 cadeiras plásticas;
368 bancos plásticos;
1 celular da Marca Alcatel;
1 celular da Marca Samsung;
1 estojo de munição.38;
1 estojo de munição .40;
Os imputados foram autuados em flagrante e ficaram a disposição da justiça.
Participaram da ocorrência as equipes do GATI, ROCAM, NIS 2 e Malhas da Lei.Via Didi Galvão

PM fica ferido e companheira morre após serem baleados durante tentativa de assalto em Feira de Santana

Um policial militar ficou ferido e a companheira dele morreu após os dois serem baleados durante uma tentativa de assalto, na noite desta quinta-feira (2), na cidade de Feira de Santana, a cerca de 100 km de Salvador.
De acordo com informações da Polícia Civil, o crime ocorreu na frente de um shopping, no bairro São João, por volta das 18h. O militar teria reagido à ação e assaltante revidou, atingido as vítimas. Após o crime, o suspeito fugiu, sem levar nada.
Conforme a polícia, as vítimas, que ainda não foram identificadas, foram socorridas e levadas para o Hospital Emec, em Feira de Santana, mas a mulher não resistiu aos ferimentos. O PM segue internado na unidade. Não há detalhes sobre o estado de saúde dele.
O corpo da companheira do militar será encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Feira de Santana. O caso está sob investigação.
A polícia  divulgou imagens de uma câmara de segurança que registrou a fuga de dois suspeitos da tentativa de assalto.
As imagens mostram dois homens correndo em direção a um carro. No veículo dos bandidos, estavam a bordo outros dois homens que, de acordo com o delegado Roberto Leal, que investiga o caso, participaram da tentativa de assalto indiretamente.
Apesar de terem resgatado as imagens das câmeras de segurança, a polícia ainda não conseguiu identificar os suspeitos. Até esta sexta, o delegado trabalhava com a hipótese de tentativa de assalto. As investigações são conduzidas pela Polícia Civil de Feira de Santana.
Em nota, a Polícia Civil informou que a Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR/Feira de Santana) apurou que o carro utilizado pelos assaltantes tem as mesmas características de um veículo utilizado em outro assalto, ocorrido nos últimos dias na cidade, quando outro policial teve a arma roubada.
O tenente Fábio Emanuel Oliveira dos Santos é lotado na 67ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM). Ele passou por cirurgia e continua internado no hospital Emec, em Feira de Santana, e tem o estado de saúde estável. Ainda não há informações sobre o sepultamento de Ana Carla.
Vídeo:

Acidente entre carretas e carro deixa seis mortos na BR-116, na Bahia

Seis pessoas morreram em um acidente ocorrido na tarde da quinta-feira (02), na BR-116 Sul, entre as cidades de Santo Estevão e Antônio Cardoso, na Bahia. Um carro de passeio envolvido na batida ficou completamente destruído. O local do acidente fica a cerca de 140 km de Salvador. Houve um grande congestionamento na rodovia por causa da batida.
Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente envolveu um carro e duas carretas. Todos os ocupantes do veículo morreram. Cinco deles foram a óbito ainda no local do acidente, inclusive uma criança de seis anos. A sexta vítima morreu a caminho do hospital.
O acidente aconteceu por volta das 12h30min, no sentido Feira de Santana e, conforme a PRF, foi provocado pelo motorista de uma das carretas que tentou fazer uma ultrapassagem em um local permitido.
No entanto, segundo a Polícia Rodoviária, o condutor percebeu que não daria tempo de fazer a ultrapassagem, desistiu da manobra, retornou para pista dele e o fundo da carreta atingiu o carro de passeio, que seguia atrás do veículo grande. O carro pequeno rodou, foi parar na pista oposta e foi atingido por outra carreta que seguia no sentido contrário.
De acordo a PRF, o carro de passeio transportava pessoas de Santo Estevão, onde foram fazer compras, para o município de Antônio Cardoso. Não há informações sobre a identidade das vítimas.
O motorista da carreta que tentou fazer a ultrapassagem, identificado como Guilherme Matos Fonseca, de 21 anos, foi levado por policiais rodoviários para o posto da PRF e, em seguida, encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Antônio Cardoso.Via G1

CHORROCHÓ : ÔNIBUS DA VIAÇÃO MARTE, É ASSALTADO NA BA 210.

(Foto: Divulgação/Arquivo Sertão Mania )
Passageiros de um ônibus da empresa Marte  , que faz a linha Abaré– Salvador , foram assaltados na manhã desta quarta-feira(01/08), nas proximidades da barragem de Pompílio que fica as margens da BA 210 ,no município de Chorrochó -BA.
Segundo  informações , dois suspeitos armados, ainda não identificados interceptaram o veículo e anunciaram o assalto aos passageiros. 
Os bandidos roubaram celulares e pertence das vítimas. Após a ação criminosa  o veículo foi liberado pelos assaltantes que fugiram tomando destino ignorado.
Ninguém ficou ferido durante o assalto.
A policia foi acionada e fez algumas diligências, mas não tiveram êxito em localizar os bandidos.

Casos suspeitos de caxumba assustam estudantes da Univasf, em Petrolina

Estudantes do Campus de Ciências Agrárias da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) em Petrolina, no Sertão de Pernambuco, estão preocupados com o número de casos suspeitos de caxumba na Universidade. Ao menos dez estudantes da mesma turma apresentaram os sintomas da doença. Cinco casos foram confirmados.

Aluna do curso de medicina veterinária, Maria Alice Figueroa foi diagnosticada com caxumba há cerca de duas semanas. Na turma dela, outras sete pessoas apresentaram os sintomas da doença, que também é conhecida como papeira. “Logo quando eu me afastei [das aulas] com a suspeita, fiquei sabendo de outras pessoas que tinham tido. Quando voltei, tinham mais casos de suspeita de caxumba”, diz a estudante.

Preocupados com o número de casos da doença, os estudantes do Campus procuraram a reitoria da Univasf. “Conversamos com alguns professores, a Secretaria de Saúde entrou em contato com a gente, mas pela Universidade, a gente não teve nenhuma resposta, nenhuma informação”, afirma Maria Alice.

Através de nota, a Univasf disse que “informou a Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde de Petrolina sobre a ocorrência de caxumba entre estudantes do curso de Medicina Veterinária. Uma equipe de técnicos da Vigilância Epidemiológica esteve no Campus Ciências Agrárias (CCA), na tarde de segunda-feira (30). Entre as medidas a serem adotadas estão o bloqueio vacinal da comunidade acadêmica, que já foi solicitado à Secretaria de Saúde”.
A nota da Univasf também traz um alerta para os estudantes. “A Univasf orienta que casos suspeitos da doença devem ser comunicados à Secretaria de Saúde de Petrolina, por meio dos telefones: (87) 3866-8559 (Vigilância Epidemiológica). A Univasf também comunicou a Secretaria Municipal de Saúde de Juazeiro”.

O vírus causador da caxumba tem alta resistência fora do corpo. Tosses, espirros e falta de higienização das mãos são as formas mais comuns de contágio da doença. A preocupação dos estudantes do Campus de Ciências Agrárias é que outras pessoas peguem a doença. “Estou um pouco apreensiva porque aqui tem bastante gente e agora tem que tomar cuidado redobrado com a higiene”, destaca a estudante de medicina veterinária, Raíssa Alves Santos.

A caxumba se caracteriza pela inflamação das glândulas parótidas e salivares, localizadas embaixo da mandíbula. O vírus se aloja nas vias aéreas e age da mesma forma que uma gripe ou resfriado. Inchaço, dor muscular e ao engolir, febre, mal-estar, falta de apetite são alguns dos sintomas. A infecção se manifesta principalmente em crianças. O período de maior incidência é entre o inverno e o começo da primavera. Em geral, uma vez infectada, a pessoa adquire imunidade.

De acordo com o clínico geral, Josival Soares, a caxumba não é uma doença tão grave. No entanto, ele alerta que é preciso fazer o tratamento correto, para evitar complicações. “Se você não tratar, ela vai se disseminando e pode atacar o testículo do homem e o ovário da mulher. E atacando o testículo, ela pode diluir as células produtoras de espermatozoide e deixar o homem estéreo”, explica o médico. Via -G1

Sem Lula, Bolsonaro na frente com 23,6%

O deputado Jair Bolsonaro, candidato à Presidência pelo PSL, está na liderança da corrida presidencial no cenário sem a participação de Lula, mas ainda aparece abaixo do petista quando ele é incluído na disputa – uma hipótese que parece cada vez mais improvável, em razão das limitações impostas pela Lei da Ficha Limpa aos condenados em segunda instância pela Justiça, como é o seu caso.

Segundo uma sondagem nacional divulgada pela Paraná Pesquisas, hoje, JB aparece em primeiro lugar, com 23,6% das intenções de voto, no cenário sem Lula. Com Lula, Bolsonaro fica em segundo lugar, com 21,8% das preferências, enquanto o petista chega a 29%. A Paraná Pesquisas ouviu 2.240 eleitores em 26 estados e no Distrito Federal e em 170 municípios, de 25 a 30 de julho. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.

A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob o n.º BR-00884/2018.



Morre Hélio Bicudo, fundador do PT e um dos autores do pedido de impeachment de Dilma

O jurista Hélio Bicudo, fundador do PT e um dos signatários do pedido de impeachment de Dilma Rousseff, morreu hoje (31) aos 96 anos na capital paulista. A família ainda não divulgou o local para o velório. Bicudo deixa sete filhos, netos e bisnetos.
Ativista na área dos direitos humanos, ele ganhou notoriedade ao combater o Esquadrão da Morte, organização paramilitar dos anos de 1970, sendo depois presidente da Fundação Interamericana de Defesa dos Direitos Humanos.
Bicudo foi deputado federal por dois mandatos (1991 e 1999) e vice-prefeito de São Paulo na gestão de Marta Suplicy, então filiada ao PT, de 2001 a 2005. O jurista anunciou sua desfiliação do PT em 2005, durante as investigações do caso conhecido como mensalão.Por Agência Brasil

Crianças mantêm relação sexual com donos de balsa em troca de comida no Pará

Em Melgaço, no Pará, a equipe do Repórter Record Investigação flagrou crianças de 11 anos e adolescentes que entram em balsas para pedir comida e são abusadas. Conhecida como balseiras, elas mantêm relações com os donos das embarcações para conseguirem alimento e óleo para a família. Via:noticias.r7. 

Governo inscreve para mais de 70 mil vagas em nove cursos técnicos gratuitos em PE

Começaram na última segunda (30) as inscrições para nove cursos técnicos a distância e semipresenciais oferecidos em 60 municípios de Pernambuco e no distrito de Fernando de Noronha. As inscrições podem ser feitas no site da Secretaria de Educação do Estado até o dia 8 de agosto. Segundo a pasta, há mais de 73 mil vagas, mas o número pode ser ampliado, de acordo com o total de inscritos.
Os cursos não têm prova para seleção e são direcionados a quem concluiu o ensino médio e a alunos do 2º ou do 3º ano dessa fase escolar. Também há oportunidades para profissionais que já atuam na área da educação. Nesse caso, é preciso também ser servidor do quadro administrativo de rede pública e atuar em função compatível com o curso pretendido.
Há vagas em cursos de administração, biblioteconomia, desenvolvimento de sistemas, design de interiores, logística, multimeios didáticos, recursos humanos, secretaria escolar e segurança do trabalho. As aulas começam entre os dias 13 e 17 de agosto, a depender do curso escolhido pelos estudantes.
Confira a lista de cidades com vagas:
Afogados da Ingazeira
Águas Belas
Araçoiaba
Araripina
Arcoverde
Belém do São Francisco
Belo Jardim
Bezerros
Bom Conselho
Bom Jardim
Bonito
Brejo da Madre de Deus
Buíque
Cabo de Santo Agostinho
Cabrobó
Camaragibe
Carnaíba
Carpina
Caruaru
Custódia
Dormentes
Escada
Exu
Fernando de Noronha
Floresta
Garanhuns
Goiana
Gravata
Ibimirim
Igarassu
Ipojuca
Itapissuma
Itacuruba
Jaboatão dos Guararapes
Jatobá
Lajedo
Limoeiro
Nazaré da Mata
Olinda
Ouricuri
Palmares
Paudalho
Paulista
Pesqueira
Petrolina
Recife
Salgueiro
Santa Cruz do Capibaribe
São Bento do Uma
São Jose do Egito
São José do Belmonte
São Lourenço da Mata
Serra Talhada
Sertânia
Surubim
Tabira
Timbaúba
Trindade
Triunfo
Vitoria de Santo Antão

Paulo Afonso: Corpo encontrado boiando em rio é de homem que estava desaparecido

Foi identificado como sendo de Sivaldo Pereira dos Santos, de 33 anos, mais conhecido como Magrão ou Adailton, o corpo encontrado boiando na manhã desta segunda-feira (30), em um trecho do Rio São Francisco na Vila Matias, em Paulo Afonso. O homem, que sofria de transtornos mentais, estava desaparecido há quatro dias.
O corpo foi identificado por familiares que estiveram no IML (Instituto Médico Legal) do município. A família do homem procurava por ele desde seu desaparecido, quando o mesmo saiu de sua casa no BTN, na última sexta-feira (27)  e não foi mais visto.
Caso – A PM foi informada de que havia um corpo boiando nas proximidades do pontal da Vila Matias e uma equipe do Corpo de Bombeiros também foi acionada para atender a ocorrência.
A vítima que, até então, não havia sido identificada, usava uma camiseta e short. O corpo foi retirado pelos bombeiros de dentro da água e encaminhado para o IML.Via : Chico Sabe Tudo

'Novo Cangaço' deixa cidades do sertão da Bahia sem dinheiro

Foi em em dezembro de 1929 que Virgulino Ferreira da Silva, o Lampião, passou pelas cidades de Cansanção e Queimadas, na região nordeste da Bahia, acompanhado de outros 15 homens do seu bando.

Na primeira cidade, barbeou-se, perfumou a si a e a seus cavalos e acabou com os estoques do conhaque Macieira de 5 Estrelas, o seu preferido. Na segunda, matou sete policiais, roubou 22 contos de reis e ainda ordenou que fizessem um baile em sua homenagem.

Oito décadas após sua morte, em 28 de julho de 1938, o fantasma de Lampião continua a assombrar Cansanção, Queimadas e outras cidades do Nordeste. Desta vez, por meio de bandos armados que invadem cidades e assaltam bancos, numa modalidade de crime que ficou conhecida como “novo Cangaço”.

Com a destruição de agências bancárias, moradores das pequenas cidades do sertão passaram a enfrentar um problema em comum: a escassez de dinheiro em espécie.

Assim como seus antepassados que viram Lampião, moradores de cidades como Cansanção, Nova Fátima, Nordestina, Araci e São Domingos têm que pegar a estrada e rumar para cidades vizinhas para conseguir sacar dinheiro.

Banco do Brasil, Bradesco e Caixa Econômica Federal não divulgam dados sobre ataques a suas agências. Mas sindicatos de bancários confirmam que parte das agências que foram destruídas está sendo retomadas sem o serviço de saque. Só na Bahia são 20 cidades nesta situação.

O estado teve 108 ataques a bancos em 2017, segundo a Secretaria da Segurança.

O Banco do Nordeste, único a divulgar dados sobre ataques, teve três agências destruídas nos últimos anos. Duas retomaram as atividades sem o serviço de saque.

Em Nova Fátima, com 10 mil habitantes, a agência do Bradesco foi atacada quatro vezes nos últimos cinco anos — a última foi em novembro de 2017, quando um bando  explodiu os caixas.  Agora há apenas um caixa eletrônico sem opção de saques.

“Ficamos de mãos atadas. Se precisar de dinheiro para qualquer coisa, tenho que pegar a a estrada”, afirma o aposentado Cosme Maia da Visitação, 83, que costuma gastar R$ 20 com passagens, ida e volta, para se deslocar para a cidade vizinha de Retirolândia.

Sem os bancos, a opção para saques na cidade são os correspondentes bancários. Na prática, lojas disponibilizam parte dos recursos que arrecadam com as vendas para saque, numa operação mediada pelo banco. A oferta de dinheiro, contudo, é limitada.

Todo início de mês, longas filas se formam no maior supermercado de Nova Fátima.

“É uma humilhação”, diz o aposentado Manuel Lima Filho, 63, que costuma precisar de dinheiro para comprar nas feiras e pagar diárias de funcionários que às vezes o ajudam em sua roça onde cria bodes e planta sisal.

A principal consequência da falta de dinheiro nos caixas eletrônicos recai sobre o comércio local, que acaba perdendo os poucos clientes para cidades vizinhas.

“Com o banco aqui na frente já tínhamos pouco movimento, imagine sem ele. Ficamos prejudicados”, afirma José Maria Ramos, 74, dono de uma padaria em São Domingos, cidade onde a única agência do Banco do Brasil foi incendiada em março.

Na cidade vizinha de Valente, com 30 mil moradores, o Banco do Brasil está sem o serviço de saque desde fevereiro de 2017, quando teve o seu cofre arrombado por bandidos.

Com a restrição, moradores usam a criatividade. Dono de uma loja de material de construção, Gêneses Miranda, 35, diz que consegue dinheiro em espécie para seus clientes, que compensam o valor entregue com transferências bancárias.

A cortesia, diz, tem como objetivo fidelizar a clientela e evitar que eles comprem em outros municípios: “Se a pessoa viaja para outra cidade para ir ao banco, sempre acaba comprando alguma coisinha e gastando por lá”, diz. 

Além da dificuldade em obter dinheiro em espécie, os moradores das pequenas cidades nordestinas também convivem com o medo. “A gente fica apreensivo, né? Eles [bandidos] já chegam atirando”, diz o aposentado Eunóbio Lopes, 87, vizinho de uma agência atacada no ano passado em Nova Fátima.

Coordenador de Policiamento Especializado da Polícia Militar da Bahia, coronel Humberto Sturaro diz que a polícia possui tropas especializadas e treinada atuar no sertão. É o caso da Cipe Caatinga, uma espécie de versão moderna das antigas volantes que perseguiam cangaceiros.

Sturaro afirma ver semelhanças entre o antigo e o novo Cangaço: “Eles agem tipo Lampião mesmo. Atacam, escondem áreas isoladas da caatinga. A diferença é que hoje estamos mais preparados para combatê-los”, afirma. A Bahia teve 108 ataques em 2017.

A Febraban (Federação Brasileira de Bancos) diz que o setor investe cerca de R$ 9 bilhões por ano em segurança. E diz que o número de ataques vêm caindo: foram 217 assaltos e tentativas registrados em 2017 no país —108 na Bahia — contra 339 no ano anterior.

Cidade com marcas profundas da passagem de Lampião em 1929, Queimadas teve seus bancos destruídos por bandidos em 2015, mas teve o serviço retomado. Hoje, a cidade atrai moradores das vizinhas Cansanção e Nordestina, alvos de ataques recentes.

O aposentado Elias Marques, 67, que foi delegado na cidade nos anos 1980, lamenta a violência que veio com a ação do novo Cangaço. E diz que os bandidos atuais são mais perigosos do que os cangaceiros de antigamente.

Fala embasado no histórico da família. Foi a seu avô, Nonato Marques, a quem coube recolher do dinheiro dos moradores que seria entregue aos cangaceiros em 1929. “Lampião era bandido perigoso, mas não tinha a mesma tecnologia, armas e transporte que os bandos de hoje. Sinto que estamos a mercê do crime.” (Via: Folhapress)

*No norte do estado Abaré e Chorrochó passam por esse mesmo drama,recentemente um bando destruiu a agência do Bradesco de  Abaré deixando os moradores aterrorizados.