Cabrobó: Indivíduo está foragido suspeito de estuprar a própria filha

Adicionar legenda
Francisco de Assis Souza Alves, 45 anos, conhecido por (De Assis), trabalha como gari no município de Cabrobó, morava no bairro Alto do Bonitinho e cuidava das 3 filhas de 11,12 e 13 anos desde o falecimento de sua esposa ocorrido a 9 anos.

Os abusos aconteciam a pelo menos 5 anos com a menina de 13 anos de idade e só foram descobertos no último domingo (05), após o acusado tentar mais uma vez cometer o ilícito e a criança com a ajuda das irmãs não permitirem.

De imediato as meninas procuraram a polícia e outros órgãos do município, porém na delegacia o acusado foi apenas ouvido e liberado. Só hoje após 3 dias é que foi expedido o mandado de prisão em desfavor de “De Assis” e o mesmo encontra-se foragido.

Segundo a menina, ele sempre dizia que iria matá-la e joga-lá no esgoto. A menina está na casa de parentes.

Os familiares iniciaram uma campanha nas redes sociais em busca de localizar o criminoso, para que ele seja preso o quanto antes. Se você tiver alguma informação que leve ao paradeiro desse criminoso  entre em contato imediatamente com a polícia. (Via: Blog do Didi Galvão)